Posts Recentes
Posts Em Destaque

Móveis de madeira demolição



O que é madeira de demolição?


O termo “madeira de demolição” refere-se basicamente à madeiras nobres de lei – como Ipê, Peroba Rosa, Angelim Pedra, Jacarandá, Jatobá, Carvalho, Castanheira entre outras – indisponíveis hoje no mercado e que são reaproveitadas de obras demolidas e muito antigas em projetos novos, com aspecto e uso totalmente diferentes dos originais.



De onde vem a madeira de demolição?


Sua fonte principal, como o próprio nome diz, é a demolição de casas, tulhas e construções muito antigas (até meados do século XX) nas quais se utilizavam principalmente Peroba Rosa. Outras fontes interessantes são: dormentes de linhas ferroviárias e cruzetas de postes de energia elétrica (onde servem de apoio para a passagem dos fios).


Curiosidades


A madeira de demolição pode ser utilizada tanto na sua forma rústica (apenas aparelhada), como também com acabamento superficial de verniz ou cera.

Uma curiosidade interessante, é que devido a crescente demanda por esse material e consequentemente sua escassez no mercado e elevação de seu preço, surgiu uma alternativa interessante para atender os consumidores: tratamento e envelhecimento artificial. Através de banhos químicos, “apodrecimento” da madeira e exposições ao tempo controladas, em curto espaço de tempo tem-se uma madeira bruta com os mesmos aspectos da madeira de demolição tradicional, que demorou anos para adquirir seu aspecto característico.



Vantagens


A primeira vantagem de utilizar-se da madeira de demolição é o grande apelo ecológico que ela traz. Hoje em dia existe um grande movimento mundial para redução de tudo aquilo que agride o meio ambiente. A reutilização de uma madeira que até então não serviria para nada, converge totalmente com esse ideal.

Outro benefício é a utilização de madeira de lei, muitas vezes nobre e que não está mais a disposição no mercado, devido ao risco de extinção das espécies. Além de nobre, a madeira de demolição possui um acabamento único em cada peça, devido à exposição ímpar ao tempo e os efeitos que as intempéries nela causaram.

Nas eco madeiras ou madeiras artificiais, além do apelo sustentável, temos também as grandes possibilidades de trabalho com esse material. Resistente a poeira, umidade, calor, tempo e podendo ser utilizada diretamente no solo (por não criar mofo e outros tipos de fungo), sua versatilidade é um ponto fortíssimo.



Conservação e cuidados


Se você possui móveis feitos com madeira de demolição natural, deve-se ter alguns cuidados básicos: caso seu móvel seja envernizado, não é aconselhável a utilização perto de áreas molhadas, que podem agredir a cera ou a seladora. Um simples copo com água pode manchar para sempre a madeira.

A conservação é muito simples também: para acabamentos rústicos não se deve utilizar produtos químicos à venda no mercado. Os mesmos podem agredir a madeira, descaracterizando-a totalmente. Utilize apenas palha de aço de tempos em tempos (como uma lixa mesmo, de forma suave) e depois aplique se quiser cera de carnaúba por até 2 horas. Caso seu móvel tenha tratamento superficial, apenas um pano seco ou espanador são suficientes. No caso das eco madeiras, não há problemas com a limpeza tradicional como panos úmidos e outros, pois as mesmas não absorvem umidade.


Por dentro Terra Boa


Caminhando por entre a Terra Boa nossos hóspedes e clientes podem encontrar variadas peças feitas do aproveitamento da madeira de demolição, tamanha é a importância para o meio ambiente, pois utilizar-se dessa matéria é de grande relevância ecológica.


O mais interessante é poder unir os benefícios sustentáveis à questão estética. Os móveis de madeira de demolição possuem características peculiares dando ao móvel um estilo único, elegante e ao mesmo tempo rústico.

Siga
Procurar por tags
Arquivo
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© Todos os direitos reservados - Terra Boa Hotel Boutique

Avenida Pau Brasil, s/n - Conchas do Mar, Itacaré - BA

SITE DESENVOLVIDO PELA @AgênciaAndrade